Escreva-nos!

povo.famalicense@gmail.com

A sua opinião é importante.
Somos um blogue com rosto, pelo que as mensagens anónimas vão direitinhas para o caixote do lixo; se for o caso, indique que deseja permanecer anónimo; mas perante nós, identifique-se, por favor.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

AFINAL QUEM NOS TRAZ O BISPO DO PORTO ?

O Bispo do Porto, D. Manuel Clemente, é o próximo convidado do ciclo "Um livro, um filme", iniciativa do Centro de Estudos Camilianos. Informa o "site" oficial da Câmara Municipal que a escolha do Bispo doPorto recaiu no filme "O fugitivo", do realizador John Ford, baseado no livrro "O Poder e a Glória. A história conta-nos o regresso secreto de um padre ao seu país para ministrar a extrema-unção a um homem que o traiu.
A imprensa local e nacional (JN de hoje, 24 de Fevereiro) anunciam "Palavra e Utopia", um filme de Manoel de Oliveira" sobre a vida e obra do Padre António Vieira, como o preferido de D Manuel Clemente, sendo o filme a exibir na próxima sexta-feira no auditório Centro de Estudos Camilianos.

Perante duas informações contraditórias, uma delas oficial, afinal em que ficamos?

Quem comparecer na próxima sexta-feira no Centro de Estudos Camilianos fá-lo por John Ford ou pelo centenário Manoel de Oliveira ?

É uma jogada de Pim-Pam-Pum. Ou o desprezo, a falta de rigor e de atenção por parte de quem tem a responsabilidade da informação?

Edna Cardoso

8 comentários:

rosa silva disse...

A senhora Edna Cardoso é que não está a ser rigorosa. Se fosse rigorosa diria aos leitores deste blogue que o site da Câmara informa que o filme é "Palavra e Utopia" de Manoel Oliveira. Basta ler a última informação disponível. Mas a senhora é maldosa, não há nada a fazer.
Confiram neste link, de 12 de Fevereiro: http://www.vilanovadefamalicao.org/_bispo_do_porto_apresenta_filme_sobre_a_inquisicao_na_casa_de_camilo

O Povo Famalicense disse...

Felicito a Câmara Municipal por, tão rápido quanto possível, ter corrigido a informação anterior,com uma descrição bastante exaustiva e interessante.

À Srª Dª Rosa que não tenho o prazer de conhecer não vou, obviamente, responder. No entanto não posso deixar de a aconselhar a ler um artigo da escritora Alice Vieira publicado há algum tempo no Jornal de Notícias. Talvez lhe possa ser útil . Poderá aprender como se deve dirigir às pessoas.

Edna Cardoso

rosa silva disse...

Sra jornalista Edna Cardoso, também não tenho o prazer de conhecê-la. Mas sou sua leitora há alguns anos. Apesar de não concordar consigo em muitas situações, gosto genericaemnte daquilo que escreve, pois nota-se que é uma pessoa muito culta. Não conheci o seu trabalho no jornal Cidade Hoje (de que tanto fala nos seus escritos), mas a avaliar pelo que escreve o Povo de Famalicão, é uma pessoa muito interessada na nossa terra, embora só encontre defeitos na Câmara Municipal. É normal quando não se consegue deixar de ser do contra. Não sei o motivo... Bem haja, mesmo assim! Precisamos de todos, mesmo daqueles que têem por hábito valorizar o que está mal.

O Povo Famalicense disse...

Quero cumprimentar a Srª Dª Rosa e saudar a sua participação neste blogue. É um acto cívico que muito estimula o debate de ideias e a troca de opiniões.
Fico por isso muio satisfeita e oxalá que muitas mais vozes se venham juntar à da Srª Dª Rosa, num pluralismo que é sempre salutar.
Para melhor esclarecimento, devo dizer que não sou jornalista. Sou professora simplesmente.Tenho um enorme prazer em ler e gosto de escrever. Não para que concordem comigo ou discordem de mim, mas, tão-só, por um exercicio de cidadania. Gosto da terra que me adoptou e tento pugnar,assim, pelo bem-estar da sua gente.
A minha intenção não é estar contra ninguém ou a favor de alguém, sejam pessoas ou instituições. Sou uma cidadã livre e não estou, como nunca estive, hipotecada a nenhuma espécie de poder. Não sou bajuladora nem sirvo esses propósitos Procuro ter "espírito crítico" que é bem diferente de "espírito de crítica".
Suponho, pelas desinformaçâo que a Srª Dª Rosa confessa, que deve ser uma pessoa bastante jovem ou que só recentemente despertou para intervenção cívica, procurando acompanhar a actualidade local. De contrário, teria mais informação a meu respeito. Mas reconheco que isso não é importante. Importante é que, a partir de agora, neste mesmo espaço, possamos confrontar-nos no plano das ideias e das opiniões.. Será rico e, pela minha parte, só terei a ganhar.

Edna Cardoso

ACO disse...

É de admirarar e aplaudir.
Um comentário que parecia que ia descer de nível não desceu e manteve-se bem.
O problema que quero levantar é outro : à mesma hora e no mesmo dia temos duas sessões cheias de interesse; uma na Casa de Camilo, outra no Museu Bernardino Machado. Também se peca por excesso, mas apesar disso, antes por excesso...
António Cândido de Oliveira

rosa silva disse...

E não podemos esquecer a presença do senhor engº José Sócrates, hoje de manhã numa empresa de sucesso (adoro vestir aquele modelo sexy das calças da Salsa...) e à tarde a inaugurar uma creche. É em excesso. Mas mais vale pecar por demasia... Parabéns, Famalicão!...

Carlos disse...

Já agora, no meio de tanta oferta, convém não esquecer a sessão da Assembleia Municipal, esta noite, no lugar do costume: a Biblioteca Camilo Castelo Branco.
É importante: vai apreciar a proposta camarária de plano de actividades e orçamento municipal para o corrente ano e espera-se que, pela primeira vez neste mandato, o presidente da Câmara reeleito apareça. Os famalicenses e os deputados municipais merecem que o edil se dê a essa "maçada" e se não faça representar, como nas duas sessões de trabalho anteriores, pelos seus vereadores mais à mão.
Se sobrar tempo e a ordem de trabalhos suscitar interesse, permito-me asugerir este acrescento à agenda cívica dos nossos concidadãos para hoje.

Carlos disse...

E há sessão da Assembleia Municial no lugar do costume: o ultrapassado e pouco digno auditório da Biblioteca Camilo Castelo Branco.
Em apreciação, a proposta camarária de plano de actividades e orçamento municipal para o corrente ano. Será que desta vez o presidente Armindo Costa se irá dar à "maçada" de comparecer? Aí está o tópico politicamente mais interessante desta (não menos interessante...) troca de galhardetes.
Eu lá estarei. Se puderem, apareçam todos! A AM é o coração da democracia local.
Carlos de Sousa